terça-feira, 13 de abril de 2010

O tempo já cobrando a conta...

Eu bem que avisei, ainda antes do jogo contra o Pelotas, que o tempo e a verdade real cobrariam a conta. A do tricolor veio rapidinho - não se sabe se conta parcial ou já é a final!

O Grêmio deu combustível ao Internacional. Imaginar que o Pelotas vá derrubar o Colorado é querer mais um desastre nesse Gauchão (Novo Hamburgo eliminando o Inter no primeiro turno, Pelotas eliminando o Grêmio no segundo turno, isso sem falar do São Luiz e São José no primeiro turno e o Caxias e o São José no segundo). Não acredito que aconteça.

Portanto, vamos (provavelmente) para dois grenais: o primeiro no Beira-Rio, o segundo no Olímpico. O tempo e o Silas reequilibraram a gangorra. As participações de amanhã e da semana que vem de Grêmio e Inter na Copa do Brasil e na Libertadores definirão o fiel da balança. Hoje, por aquilo que é tendência, entraremos iguais.

Queria ter mais certeza do título gaúcho. Confesso que já tive mais. A Copa do Brasil sempre foi uma incógnita, com esse futebol de time pequeno que Silas comanda no Grêmio.

Mas ainda sinto muito medo do supervalorizado confronto com o Avaí. Não era para ser assim. Avaí NUNCA deveria ser o grande teste para o Grêmio!

Mas há pais de família do outro lado, como diria o grande Silas!

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog