quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Apagões

E a imprensa ávida por identificar uma crise de energia no país, segue especulando as causas do apagão que assolou boa parte do país ontem!

Impressiona a maneira como eles (jornalistas) se mostram decepcionados quando técnicos, ministros, polítcos e etc., em suas entrevistas, são categoricos ao afirmar que este apagão nada tem a ver com os ocorridos em 1999 e 2001!

Fala-se em problema de transmissão a partir de Furnas, fala-se de erro humano, fala-se até de ação de hacker. Inútil! A imprensa queria mesmo um fato político para mexer no jogo da sucessão presidencial!

Afinal, eles vivem de notícia!

Adeus, Paulo Autuori

Em meio a notícias de blecaute, confirma-se o que já se esperava: o técnico gremista está de malas prontas para voltar ao Oriente Médio, onde nada razoáveis R$ 16 milhões lhe esperam para os próximos dois anos.

Inobstante a irrecusabilidade da proposta, Autuori ficou aqui por cerca de seis meses. Pegou o Grêmio com a melhor campanha da Libertadores e, após três jogos sem vitória, foi eliminado na semifinal. No Brasileirão, montou um time invencível em seus domínios, mas praticamente incapaz de reação fora do Olímpico.

Devolve o time ao interino Marcelo Rospide em uma nona colocação sem maiores pretensões. Não foi melhor que o próprio Rospide, não foi melhor que Celso Roth, não foi melhor que Mancini, não foi melhor que Mano Menezes. Sai sem deixar saudades ou qualquer marca de relevo que identifique sua passagem pelo tricolor.

Era unanimidade em abril, quando o Grêmio esperou, com acerto, 40 dias pela sua liberação do Catar. Só não se esperava que tão cedo os petrodólares o seduzidem novamente.

Em meio a apagões, será necessário à direção gremista uma decisão iluminada a partir de agora!

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog